Descubra 4 dicas para sair da zona de conforto

Descubra 4 dicas para sair da zona de conforto

Sabe qual é uma das principais consequências de sempre ficar na zona de conforto? A vivência de resultados satisfatórios. Assim, dificilmente quem está tranquilo ou teoricamente seguro nos pensamentos e atitudes conseguirá obter vivências extraordinárias seja na vida pessoal ou profissional. 

Com o objetivo de auxiliá-lo a ter mais motivação no dia a dia e ainda encontrar novas perspectivas, elaboramos este post com dicas bem úteis que certamente serão imprescindíveis em sua evolução. Afinal, o conforto pode ser prazeroso no início, mas cobra um preço tão alto quanto os demais vícios que afligem a humanidade. 

Riscos de viver na zona de conforto  

Muita gente que está na zona de conforto acredita que irá se aposentar no atual emprego. Dessa maneira, acaba se acostumando com a rotina e deixa de se aperfeiçoar. No entanto, após mais de duas décadas na mesma função, uma demissão pode desencadear crises, como depressão e dificuldade extrema de encontrar um novo trabalho na área. 

Além disso, ficar na zona de conforto é um convite ao marasmo e também a falta de sentidos na vida. Portanto, vale a pena seguir as quatro dicas que selecionamos para você. Confira! 

  1. Faça uma avaliação de sua vida   

A primeira dica é de autoconhecimento. Quando as situações não estão indo bem, geralmente a mente dá sinais de que é preciso mudar. Atente-se para o clima dentro do seu local de trabalho, analise os relacionamentos e como você está se sentindo com a rotina. 

Caso a autoanálise esteja voltada para a mudança, invista em seu potencial para dar uma alavancada na carreira. Entre os aspectos que evidenciam a vivência da zona de conforto estão: 

  • A carreira não progride; 
  • Você não acorda feliz; 
  • Há pouquíssimas vivências de novas situações; 
  • A procrastinação é uma companheira diária; 
  • medo da mudança.
  1. Aprenda algo novo 

O aprendizado sempre contribui com novas perspectivas. Ao se desafiar a aprender algo novo, haverá um certo desconforto, fato que ajuda no autodesenvolvimento. 

Dessa forma, você estará criando mais ações que ajudarão no entusiasmo no dia a dia, melhorando o bem-estar e também os olhares frente às oportunidades. Um curso de especialização pode ser um bom começo! 

2. Crie metas   

Criar metas é um excelente exercício para você crescer e deixar de lado a zona de conforto. Afinal, sempre haverá desafios no dia a dia. Uma boa dica é elaborar uma planilha com os desafios, sempre alicerçados em sua realidade. 

Faça uma lista de atividades que deseja realizar e estipule um prazo para cada uma delas. Procure diversificar suas atividades e mantenha uma rotina equilibrada, sempre valorizando eventos sociais, atividades físicas, familiares, espirituais, corporativas etc. 

3. Seja flexível e aceite feedbacks   

A flexibilidade é a essência para você sair da zona de conforto. Afinal, quem não quer mudar frequentemente não gosta de receber opiniões alheias. 

Portanto, esteja aberto a feedbacks e procure sempre seguir as dicas que estejam dentro da realidade. Aliás, muitas vezes, o que mais poderá te ajudar será algo que cause desconforto e até uma certa irritabilidade inicial. Mas é preciso analisar os pontos de vista. 

Aceitação é a palavra chave e pode ajudar muito em sua evolução pessoal e profissional. Claro, desde que haja coerência no que foi direcionado. Viu como é importante sair da zona de conforto? Aproveite e conheça os nossos cursos de MBA e comece agora mesmo a melhorar a sua vida! 

0

Nenhum comentário

No comments yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.